quarta-feira, 14 de maio de 2008

O pecado, a pior das escravidões

Era domingo pela manhã. Os apóstolos se encontravam reunidos no Cenáculo em companhia da Santíssima Virgem Maria.

De repente, um estrondo vindo dos céus, seguido de vento impetuoso, enche toda a casa e anuncia um prodígio de repercussão transcendente.

Línguas de fogo vieram pousar sobre a cabeça de cada um deles. Tal fenômeno deu-se 50 dias após a Ressurreição de Cristo e 10 dias depois de sua Ascensão.

O vento forte simboliza o Divino Espírito Santo comunicando aos Apóstolos o fortalecimento de suas vontades. As línguas de fogo, o dom da palavra que os ajudaria na sua trajetória pelas nações, anunciando as verdades eternas, de modo a permitir que todos os povos entendessem as maravilhas de Deus.

Compreende-se assim que uma multidão proveniente de todas as partes se reunisse em torno do Cenáculo. A antítese de Pentecostes teria sido a Torre de Babel, quando Deus confundiu os intentos dos maus pela confusão das línguas, fazendo com que de um momento para o outro deixassem de se entender e se dispersassem.

No Monte Sinai como no Monte Sião, um fogo celeste aparece e um rumor violento se faz ouvir no dia de Pentecostes. Num como noutro, a vontade de Deus se manifesta.

Com o povo hebreu, no 50º dia depois de sua libertação do Egito. Na Judéia, no 50º dia após a Ressurreição, para libertar os homens da pior escravidão, a escravidão do pecado.

Pentecostes foi o dia em que a Igreja iniciou sua expansão pela Terra, que São Pedro pregou para três mil pessoas que receberam o Batismo:

[...] “Homens judeus, e vós todos os que habitais em Jerusalém, seja-vos isto conhecido e com ouvidos atentos ouvi as minhas palavras”. [...] Jesus ressuscitou, do que todos nós somos testemunhas”.

Os Apóstolos foram os escolhidos do Divino Mestre. Eram pessoas simples da Galiléia, mas com tal vigor de personalidade que se destacavam entre o povo eleito decadente.

Apesar do convívio de três anos com o Filho de Deus, eles entretanto se mostravam sem forças para enfrentar o mundo pagão com seus vícios e crueldades, idolatrias e superstições. O mundo dominado por Roma jazia em profunda treva na qual reinava o pecado.

O Divino Espírito Santo veio abrir a inteligência dos Apóstolos, fortalecer-lhes firmemente a vontade e temperar-lhes a sensibilidade para que assim pudessem levar a Boa Nova do Evangelho a todas as nações e a todos os povos. (Clique aqui para propagar a devoção do Sagrado Coração de Jesus)

Desde Pentecostes, depois de ter presidido à fundação da Igreja, o Espírito Santo cumpre a missão de conduzi-La, assisti-La e dirigi-La, de tal forma que as portas do inferno não prevaleceram e jamais prevalecerão contra Ela.

Sejamos filhos da Igreja, devotos de Maria Santíssima, templos do Espírito Santo. Assim obteremos paz para nossas almas, proteção para nossos corpos e, por fim, alcançaremos o Céu.

Por Pe. David Francisquini, Sacerdote da Igreja do Imaculado Coração de Maria (Cardoso Moreira –– RJ)

(Do blog Agência Boa Imprensa)


_____________________________



-

Um comentário:

Anônimo disse...

A todos Cristãos leiam o profeta Joel em "O Dia do Senhor" (3-4) O Espírito Divino. "Depois disto, acontecerá que Derramarei o Meu Espiríto sôbre todo ser vivo: vossos filhos e vossas filhas profetizarão; vossos anciãos terão sonhos, e vossos jovens terão visões; Naqueles dias, derramarei também o meu Espiríto sôbre os escravos e escravas. Farei aparecer prodígios no céu e na terra, sangue, fogo e turbilhões de fumo;O sol converter-se-á em trevas e a lua, em sangue, ao se aproximar o grandioso e temível dia do Senhor. Mas todo o que invocar o Nome do Senhor será poupado, porque, sôbre o monte Síão e em Jerusalém, haverá um resto, como o Senhor disse: e entre os sobreviventes estarão os que o Senhor tiver chamado". O primeiro pentecostes ainda reina até os dias de hoje, mas será reavivado pelo segundo pentecostes, mas o que está descrito pelo profeta Joel está a acontecer quem tem olhos, veja, desde a paixão de Cristo quantos filhos e filhas de Deus não vêem profetizando, anciãos e jovens que recebem visões do Céu, alguns videntes recebem a visita de Jesus (Vassula Ryden) outros a Sua Mãe Maria (atualmente no Brasil o vidente Marcos Tadeu em Jacareí - SP)e as mensagens deixadas pelo Céu e olhando o cotidiano na terra percebemos que a terra anda banhada em sangue, fogo e turbilhoes de fumo, causados pelas guerras, fomes, pestes, terremotos (recentes sao varios), maremotos e outros revides da natureza, portanto procurem ler essas mensagens, pois o segundo pentecostes acontecerá nesta geraçao, já bate a nossa porta, visitem o site www.mensageiradapaz.org e leiam as mensagens de Jacareí e outras dos videntes de Nossa Senhora, bem como as mensagens de Jesus para Vassula Ryden as mensagens falam por si só, não precisam apresentação e tudo mais que de acordo com a Santa doutrina Católica, quem puder entender entenda quem não puder, paciência. Esta nossa geração precisa urgentemente voltar a sua face para Deus, pois sem Deus não há vida, pois nas trevas nada subsiste, irmão em Cristo, rezem, rezem, rezem, voltem a igreja, confessem, e voltem para a Santa Comunhão que é o maior Tesouro que nos temos, a Santa Missa é o maior tesouro que há neste mundo, muitos são convidados para o banquete do Rei, mas poucos são os que se apresentam. Vão enquanto as portas do palácio real ainda estão abertas e se deliciem do banquete que é o Próprio Cristo na Santa Eucarístia, que nos é entregue pelas mãos abençoadas do sacerdote juntamente com Maria, pois Ela está sempre junto aos sacerdotes no momento da Eucaristia e os Céus descem a terra, os anjos de Deus, descem para adora-lo na Eucarístia, a Igreja fica repleta de anjos no momento da Eucarístia, quem orar com profunda humildade e pedir a graça, conseguirá ver um pouco desse quadro. Se tiveres fé do tamanho de um grão de mostarda.....