sábado, 8 de março de 2008

Brasil: 500 mil mortes em 10 anos


Segundo dados oficiais publicados na mídia, teria havido 500 mil mortes violentas no Brasil, nos últimos 10 anos.

Um índice anual, portanto, de 50 mil mortes, mais letal do que o de um país em guerra contra um inimigo externo.

Como não adianta querer combater os efeitos sem conhecer as causas, importa saber quais são elas. São várias, como a imoralidade crescente, a crise da instituição familiar, as drogas... e evidentemente o demônio, inimigo mortal do gênero humano, sobre cuja atuação nunca é demais alertar.

Mas na raiz de todas essas crises está a grande crise religiosa e moral que padecemos nas últimas quatro décadas e que levou as pessoas a não mais distinguirem o bem do mal e a verdade do erro.

Perdendo-se essa noção, perde-se a própria noção de Deus, nosso sumo bem, “o caminho, a verdade e a vida”. E se as pessoas já não são mais capazes de amá-Lo sobre todas as coisas, como podem amar o próximo como a si mesmas?

(Texto extraído do blog 7 Dias em Revista)

2 comentários:

Anônimo disse...

Hoje sai nas ruas da minha cidade e notei algo, as mulheres e os homens querem ser o que não são, meninas novas com suas roupas tomará que caia, e homens querem disputar um pedaço de seu ego machista, assim são os dias urbanos, perderam-se pelo tempo os valores de uma família, porquê?
Estão morrendo as pessoas internamente, ao invés de cultuar a imagem de um DEUS de vida, cultuam seus próprios corpos mortais... Por isto temos 500 mil mortes...

Connors m disse...

Escolhe pois, a vida

Campanha da Fraternidade