segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Congresso sobre Divina Misericórdia no terceiro aniversário de falecimento de João Paulo II

Leia a esta notícia, que foi publicada no site Zenit.org.
Ela é mais uma importante prova de que o pedido do Coração Misericordioso de Nosso Senhor para que "toda a humanidade conheça a Sua insondável Misericórdia" não será ignorado nunca pela humanidade, e que ainda vai conquistar muitas almas!

_________________


O cardeal Christoph Schönborn, O.P, arcebispo de Viena, apresentou nesta quinta-feira à imprensa internacional no Vaticano, o Primeiro Congresso Apostólico Mundial sobre a Misericórdia (www.worldapostoliccongressonmercy.org), que acontecerá em Roma de 02 a 06 de abril de 2008, com a finalidade de se celebrar o terceiro aniversário de falecimento de João Paulo II.

O prelado austríaco, que é presidente do Congresso, recordou que Karol Wojtyla "era fascinado, desde a juventude, pelos mistérios da misericórdia divina" e lembrou sua famosa frase pronunciada em 17 de agosto de 2002, durante a inauguração do Santuário da Divina Misericórdia, em Cracovia-Lagiewniki, quando afirmou:
"Não existe outra fonte de esperança para o homem, que não seja a misericórdia de Deus".

O congresso, segundo o cardeal, busca "mostrar claramente que a misericórdia é o ponto principal da mensagem cristã". "Esta mensagem promove a paz no mundo, entre os povos e as religiões. Ajuda a descobrir a verdadeira face de Deus, como também, a verdadeira face do ser humano e da Igreja", assinalou.

"Muitos fiéis consideram que foi um sinal especial o fato de João Paulo II ter morrido na véspera do domingo da Misericórdia, festividade que ele mesmo instituiu durante o santo ano 2000", recordou.

Esta celebração está também intimamente ligada à figura de Faustina Kowalska (1905-1938), canonizada por João Paulo II em 30 de abril de 2000.

O cardeal citou a mensagem que o Papa havia preparado para 3 de abril de 2005, mas que não pode ler devido a sua morte:
"O amor muda os corações e dá a paz. Como é grande a necessidade de misericórdia no mundo!".

"A morte impediu que este grande Papa difundisse essas palavras, mas sua mensagem não perdeu, em nada, a sua validade, nem a sua atualidade" - assegurou o prelado.

O cardeal revelou que o congresso "é uma iniciativa da Igreja Católica, mas também terão a palavra personalidades não-católicas. O Papa Bento XVI prometeu, em fevereiro de 2006, seu apoio ao congresso e deu a sua benção".


3 comentários:

Liliane disse...

Muito importante este Congresso. O mundo precisa conhecer quão misericordioso é nosso Deus. Rezo praticamente todos os dias o terço da misericórdia, e pude observar as mudanças em minha vida e na vida de meus familiares, a partir do momento em que nos entregamos à DIVINA MISERICÓRDIA. Como seria bom se mais pessoas entendessem e rezassem mais...

Anônimo disse...

Senhor coloco no seu coração misericordioso,todas as minhas dificuldades,dividas,meu desemprego,um futuro estagio e trabalho para Tatiana Kimie Pereira Goto,e toda a minha familia, amigos e parentes e suas necessidades.E por todos os enfermos.Que seja feita a vontade de Deus.Amem.Obrigada

Anônimo disse...

Senhor coloco no seu coração misericordioso,todas as minhas dificuldades,dividas,meu desemprego,um futuro estagio e trabalho para Tatiana Kimie Pereira Goto,e toda a minha familia, amigos e parentes e suas necessidades.E por todos os enfermos.Que seja feita a vontade de Deus.Amem.Obrigada