quinta-feira, 25 de outubro de 2007

Governador do Rio de Janeiro quer ser Novo Herodes

Governador do RJ propõe aborto como solução para a violência urbana.

Defendendo a premissa estapafúrdia de que filho de pobre é marginal o Governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral Filho (PMDB), propõe liberar a prática do aborto como forma de melhorar a Segurança Pública.

Citando o livro “Freakonomics”, obra escrita por dois economistas norte-americanos, e já duramente criticada por especialistas, o Governador Sérgio Cabral afirmou, em entrevista concedida em 22/10/07 ao G1 - Portal de Notícias da Globo, que: A questão da interrupção da gravidez tem tudo a ver com a violência pública. Complementando seu pensamento de inspiração tipicamente fascista, Sergio Cabral (pai de cinco filhos) afirma: Tem tudo a ver com violência. Você pega o número de filhos por mãe na Lagoa Rodrigo de Freitas, Tijuca, Méier e Copacabana, é padrão sueco. Agora, pega na Rocinha. É padrão Zâmbia, Gabão. Isso é uma fábrica de produzir marginal – conclui brutalmente o Governador carioca.

A afirmação de que a gravidez da mulher pobre é fábrica de marginal desvela inaceitável preconceito, sobretudo quando o autor da frase é um Governador de Estado, eleito por grande maioria do público que agora discrimina. Os governantes deveriam ocupar-se em erradicar a pobreza (como manda a Constituição do Brasil) e não em erradicar o pobre (como pregava o nazismo).

Além de preconceituosa a idéia de abortar o nascimento do pobre para baixar a criminalidade, defendida por Sergio Cabral, não se mostra nem mesmo eficaz. Pois, há pouco tempo, no Estado do Rio de Janeiro, jovens de classe média alta chocaram o País ao agredir uma empregada doméstica, sob a “justificativa” de que haveriam pensado se tratar de uma prostituta. Esses agressores, por serem moradores dos bairros nobres citados por Cabral, não estariam entre os “marginais abortáveis”.

A matança de inocentes, defendida pelo Governador do Rio de Janeiro, não é novidade na história. Essa violência hedionda já foi praticada pelo rei Herodes, que mandou assassinar milhares de crianças, com o propósito de matar o Menino Jesus; e também já foi utilizada por Adolf Hitler, que mandou assassinar crianças judias. O mandatário do Estado fluminense apenas acrescenta um plus de crueldade: matar os inocentes ainda no ventre de suas mães.

Os participantes deste Apostolado não podem permitir esse atentado à vida. É preciso lembrar que Nosso Senhor Jesus Cristo pediu com clareza: “Deixai que venham a mim as criancinhas”. Nosso Senhor também advertiu: “Ai daquele que escandalizar um desses pequeninos”.

Por isso, você que é temente a Deus e devoto do Sagrado Coração de Jesus não se omita: envie, agora mesmo, o seu protesto para o Governador Sérgio Cabral!

Diga para ele que o Brasil é um país maciçamente cristão que tem por Padroeira a Nossa Senhora Aparecida. Portanto, aqui não tem lugar para político que quer matar crianças por serem filhos de mãe pobre.

Para você enviar seu protesto ao Governador Sérgio Cabral faça o seguinte:

Acesse o web site de Sérgio Cabral clicando no link: http://www.sergiocabral15.com.br/faleconosco/contato.php
e escreva sua mensagem de reprovação ao aborto - essa violência hedionda que significa assassinar inocentes no ventre materno.

Veja no final uma sugestão de texto que você pode utilizar com suas próprias palavras.

O importante é fazer isso imediatamente, para que o Governador entenda bem a gravidade de suas palavras e sinta como ofendeu a Deus e a população brasileira, formada sobre os princípios cristãos.

Envie cópia do seu protesto para esta Associação. Utilize o envelopinho que aparece abaixo desta postagem para recomendar este protesto aos seus amigos.

Tome uma atitude em defesa da vida: diga NÃO ao aborto!






Texto para protesto:


Exmo Senhor
Dr. Sérgio Cabral
Governador do Estado do Rio de Janeiro,

Como católico e devoto do Sagrado Coração de Jesus repudio e protesto pelo modo ofensivo e preconceituoso com que v. Excia. referiu-se às mulheres e às mães deste País, em entrevista concedida ao G1 - portal de notícias da Globo, na data de 22/10/2007.

É impensável que uma autoridade de um país maciçamente cristão como o nosso possa defender uma política de extermínio, consistente em assassinar crianças pobres ainda no ventre de suas mães.

Como membro e participante da Associação do Sagrado Coração de Jesus esclareço a v. Excia. que as mulheres pobres desse País NÃO são fábricas de marginais! Elas são heroínas que lutam para sobreviver e para sustentar os filhos aos quais nossos governantes tem desonestamente sonegado, ao arrepio da Constituição, o Direito à saúde, à educação e ao bem estar social. Por força da Constituição Federal, o Estado brasileiro deve erradicar a pobreza e não exterminar o pobre.
Portanto, Governador, permita-me recomendar que além da revisão dessa posição, V. Excia dirija a Deus uma prece de reparação por essa infeliz entrevista.

Que Maria Santíssima, modelo e protetora de todas as mães, oriente os governantes para que não promovam o assassinato das crianças que Deus lhes confiou em seus países.

Atenciosamente,

103 comentários:

Anônimo disse...

O aborto é uma questão muito séria para se opinar em um piscar de olhos.
Na minha concepção cada caso é um caso, deve ser tratado com muito carinho e seriedade, pois trata-se de um ser vivo.

Anônimo disse...

Peço favor não publicar....... o texto anterior. É somente para conhecimento deste grupo d eoração.

Anônimo disse...

Na minha opinião ele não tem que decidir nada,ele foi eleito para trablhar a favor da população, ajudando a melhorar a vida do povo, e não prejudicar ainda mais, será se fosse com uma filha dele um parente, com certeza ele iria opitar para o aborto já que ele e tão disumano sem coração tem certeza que a mãe dele soubesse que ele iria ser esta pessoa horrivel quem sabe ela também não teria aborto,so que ela não fez o aborto e hoje o que temos convivendo junto conosco um monstro que não teve sua vida intenrropida mais que gostaria te interromper a vida e uma pessoa que nem sabe que já não e bem vinda neste mundo infernal.Deus o abençoe e ilumine sua cabeça pois ele nasceu somente para o mau....

Maria da Consolação disse...

Eu sou totalmente contra o aborto,sei que esta lei nunca vai ser aprovada no Brasil,pq Deus não vai deixar.Não entendo pq se de um lado tem tantos movimentos defendendo a vida de um animal do outro querem matar criacinhas indefesas.È muito complicado ,que Deus tenha misericordia de todos nós e nos dê sabedoria e discernimento para escolhermos os próximos governantes.

Anônimo disse...

É claro que é ridiculo o aborto liberado...
Eu ja disse a minha namorada que lá em casa não haverá comemoração do dia da mulher, pois, algumas delas estão apoiando o aborto, como assim?
Elas acham que têm direito de escolher, olha só, mais de 50% dos fetos no inicio são femininos, e já tem vida, como elas querem ter direitos se nem deixam suas irmãs viverem, cadê os direitos delas... e outra o feto é outra vida independente da mãe, a barriga da mãe é apenas um abrigo, cientificamente comprovado. Deus um dia cobrará os que apoiaram, já comprei minha pipoca pra assistir de camarote.

att,

Luis Marcos

Anônimo disse...

Somente Deus tem o direito de decidir por uma vida, nós apenas temos que deixar que se cumpra a Sua Vontade.
SE hoje podemos opinar por qualquer assunto que seja é por que um dia Deus nos escolheu para estarmos aqui e devemos deixar que Ele, somente Ele continue dizendo se o que deve ser feito.
Temos que rezar mais para que Maria como MÃE de Jesus possa interceder junto a ELE e para iluminar o coração de todas as pessoas que podem de alguma forma influenciar na VIDA de outra pessoa.

Anônimo disse...

A lingua profana ofende à Deus. Porque não utiliza para proclamar a palavra de Deus ao invés de querer opinar na vida dos outros, principalmente se esse "Outro" é pobre. Sinto muito, você é o homem mais miserável de que ja ouvi falar.

Anônimo disse...

O Sr. Governador está sendo contra até mesmo a sua própria mãe. Porque se ela fosse favorável a isto, ele não teria nascido.

Anônimo disse...

Olha;

Eu não sei bem o que falar mas, eu acho que temos que deixar nas mãos de Deus, ele sabe o que faz e se isso não for e não é um decisão certa , mais tarde o nosso Governador vai ter sua resposta em relação a isso, quem somos nós para tirar uma vida , quem faz e e fez sempre é nosso senhor ''Jesus Cristo'' Quis dizer que... Quem sempre sabe e tem o direito de tirar nossas vidas é ele nosso verdadeiro pai e senhor JESUS CRISTO. Mas mesmo assim pesso ao nosso Govenador do Rio de Janeiro pra rezar e pensar se essa é a verdadeira solução para os problemas da nossa sociedáde. O meu muito obrigada por esse espaço , para eu também espor minha opinião. Querido governador que Deus esteja com vc e que sempre coloque ele nas sua decisões.

Maria José disse...

Sou 100% contra o aborto em qualquer situação, pois acredito em Deus e em sua providência.
Porém, acho que todosos pais deveriam ser responsabilizados judicialmente quando não cuidarem devidamente de seus filhos.

Maria José

Anônimo disse...

estou muito revoltada com o posicionamento do nosso paroco, que pelo fato de ser divorciada a 19 anosT não posso ser madrinha
ISTO É INACEITAVEL. EUNICE ARAGOMINAS

Anônimo disse...

Deus a cada dia nos mostra o que é certo e o que errado, basta apenas olharmos tudo o que ele coloca em nossas vidas.
Espero que Ele mostre também a esse Governador antes que ele faça algo que com certeza terá e irá se arrepender depois.
Pois só Deus pode dar e tirar a VIDA.

Anônimo disse...

Pois é Sr Governador Sérgio Cabral, retirar esse comentário infeliz e defender a vida do próximo, é o mínimo que o Sr deve fazer, já que o cargo e os bens que lhe foram atribuídos nessa vida, certamente vieram de Deus, e, portanto, agradeça essa dádiva diariamente. Preencha sua existência com os ensinamentos de Jesus Cristo em seu coração. Sua vida será cada vez melhor. A paz de espirito não tem preço. Defenda essa idéia. Defenda a vida. Tente ajudar as camadas menos favorecidas. O Sr possue essas qualidades, por isso lhe foi outorgado essa profissão. Um grande abraço.

Menina disse...

Esse "tal" governador só pode ter perdido a cabeça. Ou é tão cretino, tão medíocre, por ter um pensamento desse que não merece ter-lhe sido dada a vida.
Existem e existiram em toda a história da humanidade, gênios que vieram de famílias pobres. E bandidos aos montes que vêm de famílias ricas.
Independentemente da doutrina cristã, o pensamento dele é preconceituoso e discriminatório. Pra não dizer arcaico. Em algumas comunidades menos evoluídas e com cultura bem diferente da nossa eles praticam esse ato de interromper a gestação da mulher, ou mesmo matam a criança ao nascer, se a criança está fora dos padrões que eles consideram saudáveis para o preservamento da espécie e disseminação da cultura deles.
Mas estamos nos século XXI e estamos no Brasil! Pelo amor de Deus, já temos uma mentalidade mais evoluída do que isso né!
Ridículo esse governador.
Talvez ele devesse ter sido abortado, pois não merece ter recebido a vida que lhe foi dada, segundo o padrão de pensamento dele.
É lamentável.

Anônimo disse...

Fico a me perguntar: se aborto é crime, definido na legislação penal e nas leis de Deus e homicídio também, como fica os casos de mães que esperam as crianças nascerem para depois lançá-las ao rio, cisterna ou atear fogo?
O que seria pior: interromper uma vida em seus primeiros momentos no ventre ou após seus primeiros momentos com a "vida" no mundo?

Gendo disse...

[Começo do texto anterior]

Não sabia que o Exmo Senhor tenha agora o poder de prever o futuro, de saber exatamente como serão as pessoas antes que elas realmente possam nascer. A idéia de abortar crianças na Rocinha pelo simples fato de suas mães viverem lá é tão execrável quanto simplesmente chegar e dinamitar a favela toda!

Aliás, é por isso que o filme do BOPE, Tropa de Elite, saiu esses dias. Para dar a impressão de que os psicopatas da tropa são heróis e que cobrem os erros acerca desse morro.

Ao invés de garantir saúde, educação e segurança (porque não basta uma tropa marcial invadir a favela para garantir que ela seja segura), coisas essas sim, que diminuem a violência substancialmente, é mais fácil matar os “marginais” antes que eles possam provar serem marginais ou não.

Atitude tão preconceituosa quanto o do prefeito Kassab de São Paulo, que chamou um pobre trabalhador de “vagabundo”. E isso também é violência!

É violência também chamar as nobres mulheres de “fábrica de marginais”. O senhor não precisa de uma metralhadora e nem erguer seus punhos para ser violento. Basta xingar, ofender.

Para ser violento, também é possível violar a moral da pessoa. E foi o que o Exmo Senhor fez. Afinal, do topo é muito fácil confundir aqueles que estão lá embaixo como meras formigas...

[Agradecimentos pelo fim da leitura]

Anônimo disse...

Para mim é pura falta de conhecimento de um Governador,ABORTO é crime e sempre será perante os olhos de Deus.
Será que Ele nunca leu a Biblia???
Tem tantas questões para eles resolverem,principalmente a fome em seu Estado,a violência,a marginalidade entre outras e ele vai legalizar o aborto...é simplismente UM ABSURDO.

Anônimo disse...

Os tempos ja estão chegando ai esta o herodes esta faltando o pilatos e quando Jesus voltar eles estão pensando em crucifica-lo novamente mas eles terão uma surpresa.

Anônimo disse...

Os tempos ja estão chegando ai esta o herodes esta faltando o pilatos e quando Jesus voltar eles estão pensando em crucifica-lo novamente mas eles terão uma surpresa.

Anônimo disse...

Precisamos de governantes que tenham Deus em seus corações,as pessoas estão brincando com Deus,e isso é muito sério!!!

Anônimo disse...

Precisamos de governantes que tenham Deus em seus corações,as pessoas estão brincando com Deus,e isso é muito sério.

Laine disse...

Exmo Senhor
Dr. Sérgio Cabral
Governador do Estado do Rio de Janeiro,
O desmoronamento de terra do tunel Rebouças, são as lágrimas de Cristo, será que o Senhor não parou ainda pra pensar? A mãe do Todo Poderoso, não aguenta mais segurar as mãos Deles, porque quando isso acontecer, ah! Senhor governador que o Senhor Jesus tenha piedade de ti, e depois não diga que não foi avisado.
Senhor governador, o Senhor parou alguma vez pra pensar: " e se a minha mãe tivesse me abortado"?
Meus sinceros sentimentos...

Sandra disse...

Acho um absurdo que alguem eleito para representar os interesses do povo pense dessa forma, ele esta se mostrando um completo desumano e preconceituoso, nao se deve legalizar o aborto uma vez que ah tantos meios para se evitar uma gravidez e menos ainda esse inescrupuloso pensar que tem o direito de privar novas vidas. Gravidez é dom de Deus e sinal que ele ainda confia nos homens.

Antonio Carlos disse...

Este cara (não tenho outra definição como pessoa para ele), pois, se não tem condições de governar um Estado que peça demissão porque isto é o absurdo dos absurdos. Quando li a reportagem ficou dificil de acreditar que uma pessoa chegasse a tal ponto. Ele deveria sim como chefe de estado procurar resolver esta situação de violencia que impera no estado, mas , não desta forma violencia com violencia. Eu como uma pessoa simples, humilde,de classe pobre mas honesto (apesar de que ser honesto neste pais é ser hotario, mas, quem é honesto não saberia ser o contrario), venho através desta mostrar a minha indignação o meu despreso a essa pessoa a quem infelizmente dei o meu voto.

célia oliveira disse...

A maternidade é uma dádiva de DEUS.se de fato não querem ser mãe previna-se.Não espere a vida acontecer para se tornarem assassinos(as)do proprio filho, nada justifica o aborto,nem mesmo estupro,pois por outro lado é a vida de um ser indefeso q sta em jogo...Mães amem seus filhos e se aconteceu deixe-os nascer.

Anônimo disse...

É muito simples entender essa atitude do Sr. Cabral, pois o que ele esta tentando fazer é eliminar a possibilidade de um desses pequeninos chegar ao mundo e se tornar um grande Governador, com capacidade de solucionar a vida dos pobres, não sendo um corrupto como a maioria dos políticos, que prometem mais ao chegar ao poder não tem coragem de agir como havia prometido, pois as forças ocultas são maiores e termina ganhando o lado imoral. É muito mais tranquilo fazer as coisas erradas quando não se tem alguem para peita-los. Herodes tambem quis tirar JESUS CRISTO do seu caminho, mas, mas nem tudo é possivel e dificilmente DEUS ira permitir que o aborto seja aprovado. Uma criança incente é VIDA, e vida de uma criança DEUS não permite que seja tirada assim desumanamente, esta ideia de monstro, de gente escrapulos, sem amor, sem fé, sem virtudes...Que Nossa Senhora interceda junto a Deus por estas crianças que hão de vir ao mundo com todos os direitos a vida.

Cesar disse...

- Vida é dádiva de DEUS. Nada é mais precioso que a VIDA. A luta tem que ser para melhoras as condições e não para destruir a vida em sua raiz.

- Muitas as vezes o filho que nasce ajuda os pais a tomarem rumo na vida.

- Outro fato muito GRAVE é o arrependimento sem volta que os pais sofrerão anos após o ato abortivo, quando ela estiver mais velha e compreender de fato o que foi feito. Não se pode banalizar o Aborto. Já chega a banalização que existe com sexo, drogas, assasinatos, etc.
Vamos falar de coisas maravilhosas como DEUS NOSSO PAI, JESUS CRISTO NOSSO REI, MÃE MARIA, AMOR, PAZ, PALAVRA, JUSTIÇA, ALEGRIA, SAÚDE E FAMÍLIA

Anônimo disse...

Este governador que se diz católico praticante deve estar equivocado com a sua opção religiosa, pois marginais não são apenas os favelador, pois nas classes mais favorecidas existem muitos marginais.

Anônimo disse...

Sr. Sérgio Cabral: Se sua esposa ainda puder ter filhos,deixe a gravidez chegar a termo, olhe o rostinho de seu filho e depois mate-o! É o mesmo que está propondo para as mulheres pobres fazerem! Um dia o sr. também poderá ser pobre, e por que não?

Dácio e Dilza,de Patos de Minas - MG

Anônimo disse...

Sou contra o aborto. Entretanto ressalvo a gravidez como conseqüência de um estupro. Pois apesar de católica praticante, não creio que uma mulher, mesmo a fé consiga da luz àquele que é resultado de ato libidinoso, violento e semente de um desconhecido e pelo ato em si só pode ser tipificado como marginal. Seria hipocrisia defender que até nessa situação extrema a gravidez não ser interrrompida. Quanto a opinião e argumento do governador ele deve articular uma política pública cujo fim seja educar e previnir a gravidez não planejada.
Patrícia Carvalho.
Natal/RN, 26 de outubro de 2007

Edilice Santana disse...

Não foi uma declaração muito feliz,quando de maneira muito preconceituosa sua Ex.se dirigiu às mulheres e mães faveladas deste País.Não é admissível que um governador, eleito pelo povo,inclusive, muitas mães faveladas devem ter votado nele, se dirija a elas chamando-as´"fábricas de marginais".São mulheres que lutam para sobreviver,sustentar e educar seus filhos. Sua Ex. como chefe de Estado é que deveria fazer esforços, no sentido de erradicar a pobreza.O governador deveria rever sua posição e pedir perdão a Nossa Senhora que é nossa Mãe adorada, por defender uma política de incentivo ao extermínio de almas inocentes ainda no ventre materno.

Anônimo disse...

bom se ela acha que mtas maes tem seus filhos e sao uma fabricas de marginais pq eles nao deixem os pais destas crianças trabalharem pq mtos sao camelos e as vezes nao podem esta na rua trabalhando e entao colocam seus filhos para pedir num cruzamento aonde passar varias pessoas de boa indole como de mal indole e ai que as vezes eles as crianças se torna um marginal com o ele disse nao pq querem as vezes sao obrigados pois qd seus pais vao procura um trabalho digno e os empresarios veem em seu curriculo que ja foram ex presidiarios nao dao a chance a eles e isso ai que tenho a comento e sobre o aborto um insano quem aprovar esta lei

Anônimo disse...

Sim serei totalmente a favor o que disse o governador, inclusive na minha ciddadr já esta passando um abaixo assinado.

Anônimo disse...

O aborto é somente válido se for caso de uma criança vier a nascer com problemas ´serios de saúde que leve a sua morte pós vida....E não como o governador que fazer, liberando indiscriminadamente...

Anônimo disse...

O Governador Sérgio Cabral não sabe o que está fazendo, pois, para fazer uma coisa dessas.......e também hoje em dia as pessoas estão muito frias, falta DEUS no coração de cada um.

Cleuza Maluf disse...

Eu,Cleuza,penso assim:-Quem nos deu a vida?quem nos fêz perfeitos ou imperfeitos?,quem nos comanda neste mundo?Só existe um todo Poderoso"DEUS".Deixemos para ELE, resolver tudo,se temos um probleminha,ou um problemão,Deus só sabe o porque,só Ele sabe do nosso "carma",e só Ele poderá resolver.Entregue tudo em sua Mãos maravilhosas,que Ele solucionará todos os nossos problemas,pois,não quer dizer que se um ser está sendo gerado,e tem algum problema,é diferente de nós perfeitos,tem corpo e alma como nós e deve ser tratado da mesma forma que qualquer outra pessoa normal.Sou totalmente contra o ABORTO,e contra esse Governador,que por sinal nem conheço.

Anônimo disse...

Sr Governador, o sr governa um estado e não a vida das pessoas. quando o Papa Bento esteve aqui,falou bem claro para todos os jovens, que se fossemos castos não precisariamos de camisinha, não teriamos a aids, não teriamos aborto e nem familias separadas. Tudo isto é pelo fato de que vocês autorizam e incentivam cada vez mais o sexo, entre os jovens. E com isto nascem muitas crianças, muitas são jogadas fora como lixo, pois as jovens não tem responsabilidade de assumir o fato. E quanto as Mães e crianças pobres, cuidado, pois quando o sr for a um hospital, poderá ser atendido por uma pessoa pobre que com muito custo se sacrificou e estudou, para ser este médico que te atendeu e tem muitas outras profissões. A maior parte da população pobre é que está se sacrificando, pelo nosso Brasil, pois a maior parte dos jovens de classe alta, só se preocupam com viagens e gastar o dinheiro com coisas superfúlas. Pense bem no que diz, pois Nossa Senhora também é mãe e não gostaria que nenhum filho dela, pensasse em matar um pequenino que Jesus tanto pediu que viesse a ele. Que o Espírito Santo ilumine sua mente para que você mude seus pensamentos. Deus te abençõe.

Sônia disse...

Sou completamente contra o aborto. O governador que se diz católico praticante deve estar maluco, pois marginais não são apenas os favelados, pois nas classes mais favorecidas existem muitos marginais o próprio governador esta sendo o pior dos marginais tem estudo mas sabedoria tem pouco....È um hipócrita...

Anônimo disse...

A vida é uma dádiva de Deus. Ele deu e só ele pode tirar. Esse governador está do lado do inimigo, não sabe o amor que Deus tem por sdeus filhos.

Anônimo disse...

Penso que ninguém tem direito de julgar se é mais cruel matar uma criança no ventre de uma mulher ( não vou chamarr de mãe!) ou matá-la depois de nascida. O fato é que ambos os pensamentos são cruéis demais e atentam contra a vida dada por Deus. Devemos isso sim, orientar nossas filhas e nossos filhos para a castidade, a pureza de intenções e não deixá-las por aí em péssimas companhias enquanto assistimos a novela da Globo, SBT, Record Band e outras.
A vida é dada por Deus e sendo uma dádiva devemos agradecê-lo todos os dias.
O governador fala como se mandasse em nossas vidas e nossas casas.
Governador: Se o senhor tivesse tido a vida ameaçada por um aborto não estaria dizendo asneiras. E por fim, trabalhe mais. O senhor é bem pago para isso.

Anônimo disse...

O governador do Rio ja´mostrou que uma pessoa completamente descontolada e agora sem o mínimo
respeito pelas pessoas pobres.
O aborto é inadimissível,pois é uma vida simplesmente roubada.Vou ser vó pela primeira vez e me emocionei com a ecografia,com apenas tres semanas o nenê ja se mexe,tem as maozinhas e pes formadinhos.Como tirar uma vida?

Anônimo disse...

o aborto é contra a lei de DEUS os homens estão querendo passar por cima do que DEUS criou.
em tudo no planeta, nas plantas, nos animais, na água, na terra e as consequencias somos nos mesmo que vamos sofrer.
DEUS vai apenas assistir o nosso pecado.

eda disse...

senhor governador do RJ, se o senhor o é é porque NINGUÉM votou antes de o senhor NASCER a favor do aborto; que tal se o senhor fosse vítima desta lei? Favor seguir a Lei de Deus para criar Leis humanas. Estamos selecionando os candidatos para as próximas eleições. O POVO que o colocou exige RESPEITO com a vida! Não bastam os anti-concepcionais???

Anônimo disse...

Todos nós, que estamos vivos...tivemos o direito de viver, vida dada por Deus!
Que direito temos de tirar a vida ?
Precisamos pensar mais antes de tomar decisões que podem ser prejudiciais a nós mesmos.
O que assassinos fiserem, responderão por isso...Deus sabe o que presisamos, basta confiar nele,mesmo que essa vida vier de uma maneira errada para o ser humano,Deus escreve certo por linhas tortas, muitas vezes, uma vida que surgiu de uma maneira errada, pode ser futuramente a nossa salvação.É difícil entender os desígnios de deus, mas se confiar-mos nele...é salvação futura!Que Deus ilumine a mente do Governador, mostre prá ele a realidade e o abençoe com o maior amor do mundo, que é o que teve por ele mesmo ao conceder a vida!

Anônimo disse...

senhor governador do RJ, se o senhor existe é porque NINGUÉM votou a favor da lei do aborto antes, que tal se a vítima fosse o senhor??? O povo está de olho no candidato das próximas eleições! Siga Jesus Cristo e a Lei humana será menos selvagem. Não já bastam os anti-comcepcionais??? Só a Deus pertence a morte! Invente um carro movido a água e será mais inteligente!...Será reeleito...

Anônimo disse...

Recado ao Goveernador:
Prezado governador
Sua mãe sentiu desde o primeiro momento um amor muito grande pelo sr.,...já imaginou qdo ela recebeu a notícia de que estava grávida ?
O Sr. não se lembra, mas deve ter estremecido em seu ventre, de alegria e uma sensação inimaginavel de ter recebido um carinho e sentido um amor muito grande. Sabe...o Sr. já estava vivo!
Já pensou quantos bebês querem nascer?
Pense nisso!!!
Um abraço!!!

Anônimo disse...

trabalho em um hospital,onde todos nós lutamaos para salvar vidas, até de quem não quer mais viver(suicidio)então abomino a idéia do aborto, sou mãe por duas vezes,e, cada vez que soube da minha gravidez, agradeci muito a deus, pelo presente que estava me dando, então sr governador, quem é o senhor para aprovar o aborto, nunca foi mãe, claro, talvez nem pai!

Anônimo disse...

ANTES de julgar que tipo de cidadão que esta sendo gerado em um utero materno ,deveria mesmo um chefe de estado, arrumar uma solução para tanta violência e não tentar combater a mesma ,com as mesmas armas.

Anônimo disse...

O aborto é uma violência muito maior do que a violência que hoje temos que enfrentar, não somente porque também soms responsáveis por ela, cada vez que nos omitimos, mas muito mesmo pelo fato de a vida já presente no ventre materno não poder se defender. É um crime, uma covardia, uma ausência total de amor ao próximo, temos que rezar e clamar a misericórdia de Deus por essas vítimas e também por estes mortos vivos que defendem essa prática abominável.

Carmem disse...

O governador Sérgio Cabral com certeza ele é do tipo que quando a mulher está grávida ele pega ela pelo braço e sai puxando até uma clínica de aborto, sem perguntar se ela quer a criança ou não. Ele decide por ela. Sem dá o direito dela escolher tomando decisões por todos fazendo tudo errado, passando por cima da lei de Deus querendo ser mais que Deus. Mas ele vai ficar querendo. Pode até brincar de ser Deus jamais cerar

Anônimo disse...

NA minha opinião só Deus tem o direito de tirar a vida de uma pessoa,nada justifica matar um inocente o que tinha que acontecer mesmo é estas mulheres vadias, se controlar mas,e viver uma vida menos despravada como muitas vivem, o pior ainda é encontar homens como este que não esta contribuindo em nada, com a civilização, creio que Deus tem maior poder que do qualquer um que qeira implamntar uma lei destas, é só a gente rezar e confiar que tudo mas Ele fará, qunatos as estas mães que Deus as perdoe e toque em seus corações.

Luiz Gonzaga disse...

Senhores:.
Entre Surpreso e Indignado, comento:

Imaginemos que, por uma razão própria, DEUS, em sua sabedoria, junto com seus Eleitos, Anjos e Arcanjos, resolva o seguinte:

""CRIATURAS"" Diante da vossa insistência ao assunto, DECIDO, usando todas as prerrogativas e poderes que o meu cargo confere,
INSTITUIR o **dia do abôrto**.

Este dia, vocês poderão usá-lo, como bem lhes convier, fazendo barbáries e cometendo injustiças
(aquelas que não querem para sí) e obviamente, arcarão com as consequências deste ato, visto que, ao instituir ¨¨isto¨¨, não se eliminou qualquer lei anterior, por mais antiga que seja permanecendo válidas e soberanas à qualquer vontade ou desmando.

Caso o Todo Soberano consiga tal intento, venho aquí tentar contribuir para que tenhamos ¨mais seriedade¨ partindo de homens tipo cabral & cia, sugerindo:

Que sejam **esterilizados** em definitivo / sem retorno, todos os p.o.l.i.t.i.c.o.s. desta magnifica nação (inclusive os omissos) bem como todos os seus descendentes, até a 3a. geração, para que eliminemos (talvez) este ¨¨cancro¨¨ que mancha o Brasil denigrindo e nivelando por baixo os brasileiros.
Se os Srs. politicos, ao invez de atitudes como esta (e outras tantas e muitas mais), preocupassem-se com E.D.U.C.A.Ç.Ã.O (que é a base de tudo)a nossa vida no geral, seria muito mais aceitável e justa, sendo desnescessario utilizar-se como *penico* os nossos ouvidos e escutar estas #pérolas pútridas#

Sds.
L.G.-

Anônimo disse...

Uma pessoa de DEUS.

Senhor governador será que vc não tem amor no teu coração? desista, tira este pensamento da tua cabeça!! peça perdão ao senhor, este teu pensamento é um absurdo!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

O aborto é crime:::
Uma pessoa de DEUS.

Senhor governador será que vc não tem amor no teu coração? desista, tira este pensamento da tua cabeça!! peça perdão ao senhor, este teu pensamento é um absurdo!!!!!!!!!!
A nossa Mãe do céu , deve estar muito triste ...

Maria Geralda disse...

Eu sou totalmente contra o aborto,sei que esta lei nunca vai ser aprovada no Brasil,pq Deus não vai deixar.Não entendo pq se de um lado tem tantos movimentos defendendo a vida de um animal do outro querem matar criacinhas indefesas.È muito complicado ,que Deus tenha misericordia de todos nós e nos dê sabedoria e discernimento para escolhermos os próximos governantes.

Altemir disse...

Prezado Dr. Sergio Cabral,
Boa Noite!!
Ao tomar conhecimento da infeliz entrevista que V.sa., concedeu ao G1 que é a favor do aborto e que as mães pobres são fabrica de marginais, vale lembrar que, os milhões de Pobres que existem no Rio de Janeiro talvez foram os seus eleitores, esses que o Sr. Está recriminando agora, talvez V.sa., não saiba ou não lembra que, o Presidente da Republica, é filho de mãe pobre, que V.sa., diz fabrica de marginais, se V.sa., assistir aos noticiarios de tv e jornais do Brasil, V.sa., vai constatar os inumeros escandalos que estão acontecendo no pais cometido pelos filhos das mães de classe nobre, que estes V.sa., não eleiminaria, a maior fabrica de marginais do Pais sãos a maioria dos politicos deste pais, que não fazem outra coisa a não ser roubar, roubar e roubar, V.sa., como governante de um dos maiores estados do pais, deveria junto com os demais, criar um mecanismo que conseguisse erradicar a pobreza e não erradicar os pobres, se hoje no pais tem mais pobres do que rico, dê graças a eles que ainda dão um voto a vcs com a esperança de ver um BRASIL melhor, e veja o que esses politicos que um dia foram a esperança do Pais faz, querer erradicar os pobres, tenha a certeza que V.sa., está precisando de psiquiatra urgente, pois deve está surtando de vez , espero ainda ouvir o mais breve possivel o vosso pedido de desculpa a nação a Brasileira, pois V.sa não atingiu só o Rio de Janeiro, mais a toda nação brasileira, e não esqueça de fazer o principal, pedir perdão a DEUS, pois o seu filho JESUS CRISTO nasceu numa mangedoura, filho de pobres, se é que V.sa conhece a BIBLIA SAGRADA.
Atenciosamente,
Altemir Nunes

Anônimo disse...

Será possivel que em pleno século 21 ainda tenhamos que ouvir posições como estas? O que faz alguém mudar para o extremo de uma hora pra outra? Será que na eleição ele teria coragem de falar na cara de uma mãe de família e mesmo assim pedir seu voto? É o que acontece, quer conhecer alguém? Dê-lhe poder e dinheiro! Vamos rezar para que essa pessoa tão desprovida de sensibilidade humana possa, um dia quem sabe, converter-se. E ai, voltarei a admira-lo como politico.

Anônimo disse...

Infeliz desgovernador (HERODES)

Voce deve ter na cabeça o mesmo que um camarão.
SERA QUE VOCE VOCE SÓ PENSA NOS FAVELADOS E PROBRES EM EPOCA DE ELEIÇÃO.

Anônimo disse...

Nem sei o que dizer!é tanta coisa errada neste paiz, tanta injustiça!
sei é que lá vem outra sentença contra a mulher, ela que tem que sofrer o aborto,uma violênci contra ela e a criança.E o pai irresponsável?!Porque não esterilizam eles?!
Tem mais criança abandonada pelo pai!!!!

Discípulo Triste disse...

O Sr. Sérgio Cabral, vez por outra, aparece em fotos - no Jornal "O Testemunho de Fé", órgão de comunicação da Arquidiocese do Rio de Janeiro, que bem poderia ser um veículo desta conscientização constante - não apenas como servidor público que é, mas como se sua vida fôsse um exemplo de cristão engajado. É uma "babação" só! Ele teve, inclusive, a grande honra de ter seu último filho batizado (o primeiro a ser!) no novo Santuário do Cristo Redentor! Queria ver se fôsse o "Sr. João da Venda da Esquina"... Duvido muito que conseguisse, até, chegar aos canais competentes para solicitar o batizado de seu filhinho, ali...
E a opção preferencial pelos pobres?! Como é que fica? Fica só no papel...
O que entristece é ver, neste jornal, a valorização que se dá a este segmento mais favorecido de nossa sociedade, tanto nas reportagens, quanto na sua "Coluna Social".
A Igreja do Rio de Janeiro precisa de muitas orações! Ela prega, mas não tem dado o testemunho. Infelizmente...
Que Deus nos perdoe, porque, também eu, sou Igreja de Cristo neste atual tão triste e sofrido chão do Rio de Janeiro, mas, confesso, não sei mais o que fazer, a não ser pedir a Deus que nos ajude e guie.
Se você, a princípio, não concordar comigo, pegue algumas edições do citado jornal e verifique por si mesmo... principalmente, a tal "Coluna Social"...

Antonio Carlos disse...

Por que o senhor governador não propôs isso durante sua campanha eleitoral? Porque quis, de forma demagógica, conquistar os votos dos pobres da citada favela. Depois do aborto para as pobres, viria o extermínio das pessoas com necessidades especiais, pois
"dão um gasto elevado para o Estado e por culpa deles a saúde não anda bem". Essa aberração já ouvimos por Hitler, que certamente, deve ser criticado pelo governador Sérgio Cabral. Que argumento mais infeliz!!!! Não é possivel que venha de um governador de Estado!!!! Uma pessoa tão importante, com tantos poderes!!!!! Aos poucos ele vai mostrando sua verdadeira cara preconceituosa.
Com a infeliz idéia, o governador estimula ainda mais a violência.
Ficamos assim então, rico não mata, não rouba, não desvia dinheiro público, não trafica drogas...
O governador perdeu a chance de ficar quieto e dizer uma aberração dessas

Anônimo disse...

SOU CONTRA O ABORTO MAS A FAVOR
DA ESTERILIZAÇÃO EM MASSA
PAZ
ROGERIO MIRANDA
POETA DA PAZ

ROGERIO MIRANDA POETA DA PAZ disse...

SOU CONTRA O ABORTO MAS A FAVOR DA ESTERILIZAÇÃO EM MASSA, OU MUDANÇA RADICAL DE POLITICA NO BRASIL,

Anônimo disse...

O nosso Deus é o Deus da vida.
Portanto toda ação contra a vida também é contra Deus.
Ana Maria
Espírito Santo

Soldado de Cristo disse...

bom... eu acho que ele como governador deveria dar aconselhamento educacional, nao usado o aborto para sua campanha politica de natalidade. Tanta coisa para fazer e esses caras vao caçar praticas de assassinatos de vidas indefesas. Vai preocupar com a fome do povo, governador.

Anônimo disse...

Exmo. Dr.Sergio Cabral

É repugnante o que o Sr. quer fazer a favor do aborto das pessoas pobres Existem pobres que criam seus filhos melhor do que os ricos e foi Deus que colocou o feto no útero de sua mãe.Osenhor não tem o direito de tirar o que Deus fez Só Ele pode tirar, mas não com o sofrimento de um aborto, onde o feto é espetado com agulhas e sofrem muito.O Sr. gostaria que sua filha fizesse um aborto de um neto ou neta sua?sabendo que eles irão sofrer?E a prestação de contas com Deus na hora da morte que não sabemos que hora chega?O Senhor está desobedecendo os mandamentos de Deus (NÃO MATAR).
Pense bem e pede a Deus para te iluminar e por favor desista enquanto é tempo e pede a Deus perdão pelo que pretende fazer
A paz de Deus para o sr.
Sou da associação do Sagrado Coração de Jesus e catolica fervorosaTherezinha Roriz Silva

Anônimo disse...

Que Jesus e Maria Santíssima, tenham MISERICÓRDIA, dessas pessoas que ditam as leis de nosso País. Nenhuma "autoridade, governante, seja quem for, tem o direito de decidir qual Ser Humano vai poder vir ao mundo, com defeito ou perfeitamente sã.
Sou totalmente contra o aborto. Sei que há muita miséria no país,mas não justifica a liberação do aborto. Não é liberando o aborto
que vai resolver o problema do controle de natalidade do país. Esse governador só pode está sofrendo de alguma debilidade mental...já sei, é falta de "TEMOR A DEUS", de HUMANIDADE, de SOLIDARIEDADE e principalmente de "AMOR". Temos que nos unir em oração, para vencermos mais uma batalha contra o inimigo que está querendo exterminar as famílias, a humanidade. Desculpe por minha indignação,moro no Acre, mesmo distante não podia deixar de opinar sobre esse absurdo. SENHOR ilumina e transforma esses corações de pedra dando lugar a um coração como o TEU...
Cecília Ribeiro-RB/AC

maria antonia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Na Minha Opinião o Governo Não Pode Decidir nada a Respeito disso.. O aborto é um aquestão muito seria para poder ser decidida por um governo...
eu sou conta o aborto. O aborto é um Crime, pois vc esta tirando a vida de um inocente, será que ele não se troca...

Anônimo disse...

Não vou falar muita coisa ,só dizer que estou com nauzea só de pessar.
E que a família de nazaré,Jesús,maria e José tenham piedade de todos nós,e espulsem este felino do meio de nós.
Sinto muito mas não tenho palavras.
28 outubro,2007

angela disse...

Sou radicalmente contra o aborto, ser pobre não é necessariamente uma condição para se tornar marginal, quantas pessoas pobres nós conhecemos que são pessoas do bem, quantas pessas pobres conhecemos que venceram na vida através do trabalho, e quantas outras lutam nos dias de hoje para se sustentar e sustentarem a suas famílias dignamente, com o suor do rosto e nem por isso ( por seremm pobres ) tentaram contra vidas que estavam só iniciando (segundo os "Doutores"), mas acredito que desde a concepção a vida ali já está presente, para mim o aborto é a forma mais criminosa e absurda de se acabar com uma vida, ainda amis por ser a vida de alguém que não pode se defender.
A nossa vida é uma das maiores demonstração do amor de Deus para nós.
Não podemos nunca interferir na vontade de Deus, só ele dá a vida e só ele a pode tirar.
Não a Aborto!!!!!
Que o nosso governador se preocupe com coisas que está a alcançe dele e não com coisas que so admite-se a interferência de Deus.
Que Deus o proteja e ilumine os seus pensamentos......

Anônimo disse...

Senhor governador, mais de 90% dos votos que o sr recebeu foram dessas pessoas humildes que vivem na ignorância, pois com os políticos que temos em nosso país nao é interessante que as pessoas sejam bem informada, e é com essa atitude que o sr agradece ? Que Deus tenha piedade da sua alma

Anônimo disse...

É difícil até pensar no assunto, já que isso traria consequências sérissimas para nossa sociedade.
Precisamos sim é de uma politica de informação aos nossos jovens. Permitir o aborto seria o mesmo que induzir à inconsequência de atos e à proliferação de doenças e morte de mulheres e crianças.
Se o sexo já está tão banalizado agora; imagina se o aborto for liberado?
Parece que estamos é regredindo no tempo isso não é exemplo de civilização. É uma atitude extremamente machista e desumana.
Quando algum homem ou jovem vai pensar antes de estrupar alguma menina ou mulher? Será que ele depois não vai ter que legalizar alguma lei que obrigue uma mulher a abortar, caso o homem não queira a criança?
Pense que Deus quis que voce nascesce. Não tire esse direito de ninguém!

Fábio disse...

A verdade é que ninguem tem o direito
de mamipular, tirar, a vida de ninguem, porque a vida pertence unica e exclussivamente a 'DEUS' nosso senhor e salvador, portamto este homen que tambem é um filho de 'DEUS'na verdade ele não sabe o que esta fazendo.Como o próprio 'CRISTO' falou "PAI PERDOA-LHES ESLES NÃO SABEM O QUE FAZ! Por tanto meus irmâos clamemos sem cesar o 'SANTO ESPIRITO DE DEUS'na vida deste Homen.Louvado seja 'DEUS'. Paz e Bem a todos.

Anônimo disse...

anônimo comenta:
seja qual for a circusntância, ninguém tem o direito de tirar a vida de uma pessoa, ainda mais quando trata-se de crianças inocentes e indefesas. Os nossos Governantes deveriam sentir-se envergonhados com a situação de miséria que muitas das nossas crianças vivem por puro descaso deles os dirigentes do país que só buscam interesses próprios. Ao invés de pensar em tirar vidas inocentes porque não se preocupam em criar projetos para pelo menos diminuir um pouco toda essa desigualdade social que assola não somente o nosso Estado mas todo o País. O nosso Governador com esse comentário tão desumano e infeliz, se coloca como uns dos algozes de Nosso Senhor Jesus Cristo, agredindo totalmente todos os ensinamentos que ele nos deixou, especialmente o AMOR ao próximo.Que Deus tenha misericórdia e piedade de todos os que cultivam tal brutalidade.

Bárbara disse...

Não acho que o aborto deva ser legalizado! É contra tudo aquilo em que acreditamos e até contra o próprio Deus. Se as pessoas não querem ter filhos, então que vivam a castidade! Sei que não é fácil viver a castidade, sou jovem, tenho 22 anos, meu noivo tem 27, mas até agora, Graças à Deus nosso noivado é Santo, nosso namoro foi santo, embora muita gente não acredite. Se temos o direito de tirar a vida de alguém que não pode se defender, os bandidos que matam pessoas por aí tem o direito de ficar em liberdade!

Anônimo disse...

caros amigos do sagrado coração de jesus. ele é humano e sabe que quem aqui fas qui paga, nosso senhor jesus cristo não dorme,eu paticularmento não vou pagar pelo pecado dele, e estarei pecando seo julgar quem sou eu so deus é senho de todas as decisões

Francisco disse...

Não compete ao homem decidir pela vida de ninguém, quando mais de um ser indefeso que nem chegou a nascer. Hoje, em pleno século XXI, não podemos tolerar pensamentos atrazados como esse. Mas isso é caracteristico dos políticos que querem se livrar das responsabilidades que lhes compete frente aos anseios do povo.
Temos que buscar a PAZ a todo custo, principalmente na família e assim chegaremos a dias melhores.
Como é triste ouvir de um representante do povo um pensamento como esse.

Francisco de Assis
Quixeré-Ce

Luiz disse...

Primeiro foi um Faraó do Egito que sacrificava crianças Hebréias
Depois Herodes e o massacre de Belém
A Seguir, muitos outros vieram, como Hitler que dispensa comentários.
Agora temos Sérgio Cabral e o massacre de crianças pobres das favelas do Rio.
O que têm em comum? todos eles acreditavam estar agindo pela ordem, pela lei, pela segurança nacional.
Juntos formam uma grande mancha na história da humanidade uma mancha cruel e vergonhosa que não pode ser removida
Pense nisso governador, ainda há tempo para o arrependimento.

Anônimo disse...

Desculpe as palavras, mas esse tal de Sérgio Cabral é um SAFADO, CANALHA, HIPÓCRITA,e outros adjetivos que não posso colocar aqui.

Quando eu estava lendo esta notícia a única coisa que senti foi muita raiva, gostaria de saber se fosse com o]um filho dele, pode até ser que ele fizesse isso mesmo, mandasse a mulher dele abordar, pois ele é canalha mesmo.
Gente, olha quem nós elegemos para ser nosso GOVERNADOR do Rio. Aliás, não era nem para ficar indignada, pois todos esses políticos são PILANTRAS.

Desculpem por esse desabafo já que não posso falar ou gritar, nós todos, o povo Brasileiro, eu, tínhamos que nos juntar contra essa corja, mas não apenas algumas pessoas, mas uma MULTIDÃO, a união faz a força. Acho que só assim, ou pelo menos é uma tentativa de lutarmos pelos nossos direitos e contra às autoridades INCOMPETENTES.

Dora disse...

Sou católica, não faria nem aconselharia aborto a ninguém.
Porém tenho que me manisfestar contraria à carta que o grupo está enviando ao governador do RJ.

Primeiramente, acho que está havendo um engano muito sério: Afirmar que o Estado, representado pelo sr. Sergio Cabral Filho, estaria promovendo assasinato e a matança de inocentes, como fizeram Hitler e Herodes passa do limite do exagero.
Claro, o comentário, a justificativa, as idéias preconceituosas presentes na mente deste sr. são repugnantes.
Mas não podemos dizer que ele está mandando que o aborto seja feito e que toda gravidez seja interrompida por desejo do Estado, tornando-o um fascista (antiliberal, imperialista e antidemocrático, segundo o dicionário Michaellis).

O que o Estado sugere, neste caso é apenas dar a liberdade de hospitais e médicos escolherem se o fazem e então fazê-lo na legalidade e às claras.

O que NÓS Cristãos devemos levar em consideração é que, embora para nós seja algo impensável, não somos detentores do único modo de pensamento, do único ponto de vista religioso, idealístico,espiritual e de modo de vida.

Nosso Estado, a sociedade em que vivemos promove a liberdade de religão e culto. Portanto não podemos exigir que o Estado obrigue a todos seus cidadão a serem Católicos - e é o que está acontecendo.

Outra coisa que, como católica gostaria de expor, é que, embora não seja algo que valha para minha vida, não posso atirar tanta pedra em quem pense diferente de mim.

A lição que Jesus nos ensinou foi de não julgar nossos irmãos.

Portanto, não concordo com a carta - tão preconceituosa quanto o discurso do sr. Governador.

Anônimo disse...

Gostaria que o governador olhasse para seus filhos e pensasse se le tiver mandado sua mulher abortar como qual sentimento ficaria é um crime e pessoas que defendem este masacre não terão salvação.

Anônimo disse...

Acho que um investimento na área da saúde seria mais viável. Tenho amigas que estão há tempos tentando fazer uma ligadura e não conseguem. Não seria melhor evitar uma gravidez que não se deseja seja por motivos financeiros ou qualquer outro? Sr. Governador o aborto não é solução para nada. A saúde está clamando por melhorias.
Pense nisso.

Anônimo disse...

GRAÇAS A DEUS EXISTE ESTA OPÇÃO DA GENTE FAZER UM MANIFESTO, COM CERTEZA ESSE SENHOR QUE DIZ SER GOVERNADOR E ESTÁ COM ESSA IDÉIA MALUCA NÃO PODE NEM MESMO DIZER QUE É FILHO DE DEUS SE NÃO RESPEITA A VONTADE DE DEUS, QUE POBREZA ELE TEM EM SEU CORAÇÃO, NÃO SABE QUE DE UM MINUTO PARA OUTRO TUDO NA VIDA DELE PODE TERMINAR, PRINCIPALMENTE A SUA FORMA DE PENSAR ASSIM EM ABORTAR QUEM NEM TEM O DIREITO DE CHEGAR A ESSE MUNDO AINDA, NÃO SABE ELE O QUE ESTÁ FAZENDO, POIS SE AQUI VIEMOS FOI ATRAVÉS DA PERMISSÃO DE DEUS E NÃO POR CONTA PRÓPRIA, E NÃO SERÁ ESSE MOÇO QUE IRÁ ACABAR COM A VONTADE DE DEUS, ANTES DESSE ACONTECIMENTO COM CERTEZA O CÉREBRO DELE VIRARÁ PODRIDÃO DE VERDADE, PARA QUE ELE NÃO SAIBA NEM ONDE SE ENCONTRA, NEM ONDE ESTÁ NEM TAMBÉM COM QUEM ESTÁ FALANDO O QUE ESTÁ PENSANDO, POIS DEUS É PAI QUE NÃO DORME CONCERTEZA ESTÁ COM OS OLHOS FITADOS NESSE MOÇO E JÁ ESTÁ TOMANDO AS PROVIDENCIAS CABÍVEIS.

Anônimo disse...

sou contra o aborto e acho que o governador esta sobrecarregado e confuso sem direçâo; resem por ele e por todos que sâo a favor do aborto.

Anônimo disse...

É ridículo ouvir uma pessoa que se diz, "autoridade", ter uma posição igual a esta do governador do Rio, já que eles não conseguem, acabar com a criminalidade da cidade maravilhosa, agora querem fazer parte, e ser conivente com o crime. Acho que ele(s) deviam é se ocupar com o interesse e necessidades do povo, ao invés de ficar falando bobagens.

Anônimo disse...

Tem coisa mais serias do que falar em aborto, pois ,se trata de um crime.Sou contra pois é uma vida que se tira.

Anônimo disse...

Eu sou totalmente contra o aborto...Porque sou uma pessoa temente a DEUS...quem deveria sair de do poder são estes governantes q n.
ão tem condiçãoes de fazer nada por estas pessoas...

Anônimo disse...

ele pessa que e deus para tira vidas ele ta ali para melhora o pais,e não fazer do nosso país,um luga de mulheres assacinas,ele não tem filho não,ele não saber que o filho dele poder ser torna um marginal um drogado,porque os filhos de gente rica também mata robar estrupa, faiz tudo que filho de gente pobre faiz e até pio uns mata os proprios país ele fazendo isso vai ser o assassino

Anônimo disse...

Caro Governador - Sua ineficiencia em poder dar educação com informação a população mais carente, aliado a uma saude publica incapaz de atender de forma honesta e digna, resvala para o ultimo apelo em aceitar o aborto como forma definitiva de resolver os problemas da natalidade indesejada ou não. APRENDA UMA COISA GOVERNADOR: De a população a devida atenção com muita informação e educação basica, saude digna e segurança e não precisara chegar ao extremo da aniquilação da vida humana, contraria as Leis de DEUS. Sua atitude é aquela de um covarde, que recorre aos extremos para atenuar sua falta de capacidade para gerir sua propria familia carioca. Cidadãos bem orientados quanto ao controle de natalidade, aliados a muitos outros falores de sua obrigação como governante, fariam desnecessarias atitudes grotescas de eliminar a vida como forma unica de resolver um problema. Seja grato a sua mãe por não ter permitido seu aborto, pois voce não existiria, e apesar das sandices que quer aprovar, ainda assim sou feliz por sua existencia, POIS É MEU IRMÃO E FOI BEM VINDO AO MUNDO.

notreve disse...

B E S T A


F E R A

Anônimo disse...

Sr. Governador imagine que sua mãe estivesse gravida de voce hoje dia 03/11/2007, e resolvesse fazer um aborto? De uma coisa teriamos a certeza as palavras que voce disse na entrevista e o seu projeto de liberação do aborto, não estaria sendo discutido, seria um ser maligno a menos na sociedade.

Anônimo disse...

Sou totalmente contra o aborto,pois existem inumeras maneiras de prevenir uma gravides.É muita irresponsabilidade de alguém que o pratica. Isto demonstra falta de fé em Deus,pois ele nos dá a vida e somente ele tem o direito de tirá-la`.É um crime hediondo onde o ser abortado é indefeso nao podendo opinar em nada.Pensem melhor antes de tomar esta atitude irracional,pensem em seus filhos.

Anônimo disse...

anonimato
declaro que isto e uma fronta a vida humana todo ser vivo tem o direito a sobrevivencia nao temos a capacidade de tira a vida de nenhum ser vivo nao somos deus.

Anônimo disse...

Se Deus Te deu a vida porque queres tirar vida?
E uma questão de Pensar.
nâo seja idiota, pense e repense que o ABORTO é o tipo de morte mais cruel, pois ao matar um inocente indefeso esta matando o futuro.

Anônimo disse...

amei receber o sagrado coração
de jesus vaz a mudança e muito
obrigado por quem se impenha
para mandar essas imagens
valew .

Florestal disse...

Tem gente que pensa que ser governador é ser um DEUS, engana-se, porque o verdadeiro Deus jamais aceitaria a proposta do aborto, quanto mais tentar ludibriar as pessoas a acreditarem que isso resolveria os conflitos sociais.
É uma pouca vergonha!!!!!!!...

Anônimo disse...

Antonio Carlos disse: Queria perguntar a ele se a Mãe dele o tivesse abortado aonde ele estaria hoje ! ! !

jackson.costa disse...

Na minha opinaõ ele tem que mudar de ramo e pro curar por ajuda pois está precisando, Repodio o que eel falou isso é inaceitavel vindo de uma pessoa popular como ele.

Teresa T.Neumann disse...

Sr.Governador,V.Excia não acredita em Deus?Mas certamente sabe que será co-responsável por todos os abortos que serão cometidos no pais,ou seja, um assassino de crianças indefesas.

Teresa T.Neumann disse...

Sr.Governador,V.Excia não acredita em Deus?Mas certamente sabe que será co-responsável por todos os abortos que serão cometidos no pais,ou seja, um assassino de crianças indefesas.

Teresa T.Neumann disse...

Sr.Governador,V.Excia não acredita em Deus?Mas certamente sabe que será co-responsável por todos os abortos que serão cometidos no pais,ou seja, um assassino de crianças indefesas.

Teresa T.Neumann disse...

Sr.Governador,V.Excia não acredita em Deus?Mas certamente sabe que será co-responsável por todos os abortos que serão cometidos no pais,ou seja, um assassino de crianças indefesas.